New Music International Festival 2013. De 30/11 a 08/12.
Novas Frequências 2013

Apresentando: Gimu

Quando pensamos de música brasileira, lembramos de samba, carnaval, praias, canções ensolaradas… Mas não são essas as coisas que vem a mente quando ouvimos os drones ambientes de Gimu. Criado pelo capixaba de Vila Velha, Gilmar Montes, Gimu produz suas massas sonoras pesadas, massantes e repletas de escuridão no computador e as coloca em plataformas como Bandcamp, onde contabiliza na sua conta uma lista com 18 lançamentos entre 2010 e 2013. Além do digital, Gimu já tem lançamentos físicos para selos britânicos (Heat Death, Twisted Tree Line, Childrenplay, Rural Colours) e para o brasileiro Toc Label (o cassete all the intricacies of an imaginary disease).

Mas ser artista de Drone no Brasil não é fácil, Gimu não é falado nos blogs e muito menos na grande mídia. Mesmo assim, o cara já acumula mais de 20 mil seguidores no Soundcloud, o que prova que sua música tem sim afetado muita gente. A principal fonte de notícias sobre o que tem feito Gimu, é o site Floga-se , que nunca economiza nos elogios. Em entrevista ao site, Gilmar foi questionado porque suas músicas não contem batidas:

Ah, batidas complicam tudo. Elas são por demais ditadoras, definem tudo. Não quero batidas. Não quero que um beat tire a atenção de todo o resto. Gosto de pensar que minhas canções são uma massa sonora que vai ganhando contornos diferentes, novas formas, à medida que o ouvinte é sugado para dentro delas. Batidas não deixariam isso acontecer.
Além dessa idéia “massa sonora”, podemos usar outras palavras para descrever sua música: Textura, ambiência, dark, gélido, pulsante, e por ai vai. Como a maioria das canções de Drone, Gimu faz músicas longas, contemplativas e cheias emoções diferentes.

Abrindo para o Stephen O’Malley, Gimu fará no Novas Frequências seu primeiro show no Rio de Janeiro e mostrara que Drone de qualidade pode sim ser feito no Brasil. O sábado promete ser um dia bem nefasto.

Gimu se apresenta dia 08/12 no Oi Futuro Ipanema

 
Comments